11 de jan de 2013

Conheça as vantagens que a UFJF oferece para candidatos a vagas pelo Sisu e Pism

UFJF oferece cerca de 2.600 vagas
 em 50 cursos no Campus de Juiz de Fora
(Foto: UFJF/Arquivo)
A escolha da instituição adequada para cursar o ensino superior é uma etapa que exige atenção. Até às 23h50 desta sexta-feira, dia 11, cerca de 1,5 milhão de estudantes devem se inscrever para as 129 mil vagas ofertadas por universidades públicas e institutos federais de todo o país. A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) disponibiliza cerca de 2.600 oportunidades em aproximadamente 50 cursos no Campus de Juiz de Fora.

Na última edição do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), a UFJF obteve os mais altos conceitos (4 e 5) em 25 cursos e habilitações. O resultado obtido pelos alunos da Faculdade de Engenharia fez com que a UFJF figurasse nos primeiros lugares do ranking mineiro, com destaque para os alunos de Engenharia de Produção, que obtiveram a melhor nota do país.

Segundo o “Guia do Estudante”, a mais tradicional publicação que avalia graduações no país, 28 cursos da UFJF estão entre os melhores do Brasil. Além disso, a Universidade sempre se posicionou entre as cem melhores instituições de ensino superior em rankings da América Latina. São mais de 23 mil alunos espalhados pelos seus dois campi, em Juiz de Fora e em Governador Valadares, no Leste de Minas Gerais, além dos cursos de educação a distância

Empresas juniores e PET

Aos que pretendem ter contato com o meio empresarial desde cedo, diversos cursos da instituição possuem empresas juniores. Elas são a oportunidade que os alunos têm de conhecer o ambiente de trabalho da profissão. Em 2001, a Campe, formada por alunos dos cursos de Administração e Ciências Contábeis e da Faculdade de Economia, consagrou-se como a primeira empresa júnior do mundo a conquistar o ISO 9001 de Qualidade. E em 2010, foi reconhecida como a melhor de Minas Gerais, pelo Sistema de Medição de Desempenho da Brasil Júnior.

Os Programas de Educação Tutorial (PETs) também colaboram na formação de profissionais capacitados em diversos cursos da graduação. A estudante do 5º periodo de Educação Física, Aline Ribeiro, 21 anos, ressalta a importância da experiência para acrescentar conhecimento ao conteúdo da sala de aula: “O PET nos dá a bagagem das três linhas (pesquisa, ensino e extensão) em uma só bolsa”. Além do contato com grupos de outras faculdades e de todo o Brasil, os membros do PET apresentam a UFJF aos calouros no início dos períodos letivos. “É ótimo presenciar a troca de experiências e explicar as atividades da faculdade aos novos alunos.”

Concurso público e infraestrutura

Em 2012, teve início, o maior programa de contratação de professores por concurso público. 
Até o fim de 2013 serão admitidos mais de 200 profissionais.  A Administração Superior trabalha, também, na ampliação da infraestrutura da instituição, com a construção de novas sedes para faculdades e institutos, laboratórios, bibliotecas e áreas de lazer. Entre as novas sedes, destacam-se as dos institutos de Ciências Humanas (ICH), de Ciências Exatas (ICE) e de Artes e Design (IAD), Faculdade de Economia e complexo esportivo da Faculdade de Educação Física de Desportos (Faefid). Estão previstas, ainda, novos prédios para as faculdades de Medicina, Fisioterapia, Comunicação e novo Hospital Universitário (HU).

O resultado do crescimento da Universidade pode ser observado pela aluna do 5º período de Educação Física, Luana Procópio. Segundo ela, antes da reforma era preciso se deslocar até outros centros esportivos para realizar algumas atividades do curso. Com as novas quadras de tênis e futebol society, além das piscinas cobertas e aquecidas é possivel fazer todas as aulas dentro da faculdade. “A Faculdade de Educação Física está completa, preparada para receber todos os alunos e amparar na realização de todas as atividades necessárias.”

Em dezembro passado, foi anunciado o maior pacote de investimentos da história da Universidade. São mais de R$ 530 milhões, que contemplarão importantes projetos da instituição, como Jardim Botânico, Parque Científico e Tecnológico, planetário e observatório astronômico, campus em Governador Valadares, restauração do prédio histórico da Faculdade de Engenharia/DCE, Moradia Estudantil, entre outros. Esse valor deve impactar a vida acadêmica da Universidade, com melhorias no ensino, pesquisa e extensão, e também trará benefícios para toda a cidade e região.

Auxílio ao aluno

Restaurante Universitário: café da manhã
custa R$ 0,50, e almoço ou jantar, R$ 1,40
(Foto: Alexandre Dornelas)
A instituição fornece auxílio aos estudantes por meio do programa de Apoio Estudantil em cinco modalidades – transporte, moradia, alimentação, manutenção e auxílio-creche – a fim de garantir condições básicas para que o aluno se dedique ao estudo e não divida as atividades curriculares com preocupações de ordem financeira. O estudante também pode concorrer a bolsas de treinamento profissional, iniciação científica, extensão, entre outras.

O Restaurante Universitário (RU) possui duas unidades, no Centro de Juiz de Fora e no campus, que servem café da manhã, almoço e jantar de segunda a sexta-feira. No sábado, são servidos café da manhã e almoço. As refeições incluem suco e sobremesa e custam R$ 0,50 (café da manhã) e R$1,40 (almoço e jantar).

A cidade

Um dos atrativos da Universidade para outros estudantes é também a cidade. Juiz de Fora está perto de três grandes centros, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e São Paulo. O município de porte médio reúne indicadores de qualidade de vida. De acordo com o último censo, a cidade, situada na Zona da Mata de Minas Gerais, possui 517.872 habitantes e Índice de Desenvolvimento Humano 0,828 – patamar considerado elevado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. Entre os indicadores que compõem o IDH – educação, longevidade, renda – o município apresenta todos elevados e com média acima da nacional.

Outrora conhecida pelo título de Manchester Mineira, por conta da grande produção têxtil, atualmente o município foca em serviços e em sua vocação cultural. Principais espetáculos do circuito teatral nacional passam pelos palcos locais, além do volume interno de produções, como do Grupo Divulgação e do Centro Cultural Pró-Música, vinculados à UFJF. São destaques também os festivais de música, teatro e cinema e a presença de museus importantes, como o Mariano Procópio e o de Arte Murilo Mendes.




________. Conheça as vantagens que a UFJF oferece para candidatos a vagas pelo Sisu e Pism. Secom/UFJF. Acesso em: 11/01/2013. Disponível em: http://www.ufjf.br/secom/2013/01/11/conheca-as-vantagens-que-a-ufjf-oferece-para-candidatos-a-vagas-pelo-sisu-e-pism/

0 comentários:

.