21 de out de 2011

Universitários capixabas dão dicas para quem vai fazer o Enem 2011

Sucessos no exame do ano passado, eles dizem o que é melhor a ser feito.
Provas acontecem nos dias 22 e 23 de outubro.


Faltam apenas três dias para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2011), que acontece neste final de semana, dias 22 e 23. E, nesses instantes finais, muitos estudantes ficam nervosos. Mas, o que fazer para conseguir um bom desempenho no Enem? Alunos que se deram bem nas edições anteriores do exame deram as dicas.

Aos 18 anos, Gilson Simões está no 2º período de Direito na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). O passo inicial foi a pontuação conquistada no Enem do ano passado: 3.886, do total de 5 mil pontos. Segundo o universitário, para obter sucesso na prova o candidato deve fazer a parte que considera mais fácil primeiro. "É melhor deixar a parte mais difícil por último. Foi um bom caminho para mim", orienta. Ele sugere que a redação seja feita depois que o gabarito já estiver preenchido.

No caso de Fernando Henrique Monfardini, 18 anos, ex-aluno de um colégio público situado no Centro de Vitória, o bom resultado vai além da escola ou o valor pago pela mensalidade. Ele conseguiu, por meio de sua pontuação no Enem, uma bolsa integral para o curso de Direito em uma faculdade particular no mesmo município. "Em caso de questões muito complicadas, o melhor é escolher a alternativa por eliminação", sugere. De acordo com o universitário, não adianta entrar em desespero na última hora. "Não é hora de tentar aprender mais nada. É pouco tempo e dúvidas são criadas", afirma.

Regras

Lanche: Não há restrições em relação à alimentação durante a prova no edital do Enem. Mas aconselha-se que o aluno leve lanches rápidos, como biscoito e barrinha de cereal; além da bebida em garrafa plástica, transparente.

Objetos: É proibido entrar na sala de prova com lápis, lapiseira, borracha, livros, manuais, impressos, anotações, óculos escuros e quaisquer dispositivos eletrônicos. Já em relação ao uso de boné, durante a prova, não há restrições, de acordo com o edital.

Dicas

Local de prova: É importante conhecer o local de prova. Outra dica é, no dia do exame, chegar ao local com, pelo menos, 40 minutos antes do fechamento dos portões. A prova começa às 13h.

Documentação: Além de conferir a documentação que será utilizada nos dias de prova, o candidato deve checar também o cartão de inscrição.

Alimentação: Nos dias de prova, faça um café da manhã bem reforçado com pães, frutas (suco), fibras e leite. Fuja das frituras e dos excessos. Alimentos estimulantes, como café e chocolate, também são recomendados, mas com moderação. Não exagere nas refeições, elas podem deixar seu metabolismo um pouco lento e você também.

Revisão: Não caia na tentação de revisar as matérias pela última vez. Isso pode causar ansiedade. Aproveite a véspera da prova para descansar.

Descanso: Dormir cedo e se alimentar bem também são importantes. Baladas estão proibidas. Procure fazer programas divertidos, como assistir à filmes ou ler um livro. Dê preferências aos temas que abordem fatos históricos, meio ambiente ou que o façam relaxar.

Revisão

Matemática: Revisar conteúdos sobre funções, progressões e geometria espacial, além da parte de análise combinatória e as formas de resolução. Na parte de álgebra, rever questões sobre máximo e mínimo de funções quadráticas.

Português: Algumas vezes, a resposta está na pergunta. Leia a prova com calma. Os textos são longos, e, por isso, alguns alunos se irritam, perdendo a concentração. Considere o contexto das questões - o contexto político e social de quando foi produzida uma charge, por exemplo - , o que exigirá a habilidade de interpretação.

Redação: Leia o tema e os textos de apoio com calma, pois eles apontam os caminhos para a resposta. Tenha sempre um posicionamento diante da situação-problema. Não use a primeira pessoa, não conte experiências pessoas, não dialogue com o leitor. Faça um rascunho. Escreva um roteiro em tópicos com suas principais ideias. Possíveis temas: matrizes energéticas (petróleo, produção de energia no Brasil e mundo), manifestações pelo mundo (como as que aconteceram no Chile, Líbia e no Brasil), inclusão social (principalmente no caso de portadores de necessidades especiais), homofobia, igualdade de gênero, violência de gênero, usuários de crack e Educação como base para a justiça social.

Química: Dê atenção às questões sobre radioatividade e energia renovável. Estude as diversas formas de poluição. Reveja cálculo estequiométrico e eletroquímica e atenção às questões sobre tratamento de água e esgoto.

Biologia: Estude conteúdos relacionados à Ecologia e fique de olho na síntese protéica, nas questões sobre clonagem e de engenharia de DNA. Reveja as principais doenças carenciais, parasitárias e fisiológicas.

Física: Estude questões sobre a transformação da energia hidrelétrica, termelétrica e nuclear. Reveja questões sobre potência, tensão e corrente em aparelhos elétricos utilizados no nosso dia a dia.

Geografia: Pesquise sobre os dados do Censo 2010 e também leia jornais e revistas sobre esse assunto. Outros assuntos que podem ser cobrados são o Novo Código Florestal e questões ambientais mais comuns na vida dos brasileiros nos últimos meses, como as enchentes, por exemplo. Assista à filmes que abordem o tema, como “Avatar”. Há também um vídeo na internet que pode auxiliar no Enem, chamado “A História das coisas”, que aborda o consumismo, meio ambiente e as relações humanas. Revise temas sobre migração, os conflitos nos países árabes e o terremoto no Japão.

História: Em História do Brasil, dominar assuntos a partir do período republicano é essencial, mas também reserve espaço para a História Contemporânea. Vale a pena assitir à filmes como “A lista de Schindler” e “O que é isso companheiro?”.

Língua estrangeira: Procure revisar apenas as regras nas quais tenha mais dificuldades. Agora é hora de tentar recuperar alguma coisa que ficou para trás.


BANDEIRA, Mayra.  Universitários capixabas dão dicas para quem vai fazer o Enem 2011. GLOBO. Disponível em: http://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/2011/10/universitarios-capixabas-dao-dicas-para-quem-vai-fazer-o-enem-2011.html. Acesso em: 21/10/2011.

0 comentários:

.