28 de dez de 2012

Falha em site permite a aluno ver nota de redação do Enem.

  • O site foi retirado do ar depois de trinta minutos. Vários candidatos relataram que tiveram acesso às notas. MEC vai divulgar resultado oficial nesta sexta-feira

Estudante copiou a imagem onde foi divulgado o resultado da prova
A expectativa para saber o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2012 causou euforia na tarde desta quinta-feira nas redes sociais. Vários candidatos conseguiram ver, por alguns minutos, as notas da prova de redação no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A página foi rapidamente retirada do ar. O Ministério da Educação (MEC) informou que a divulgação aconteceu durante um teste de homologação no sistema do exame. 

O estudante do colégio Santo Antônio, Samuel Bastos Lóes, de 17 anos, conseguiu acessar a informação logo depois de ser avisado pelos colegas. “Cheguei a ver a nota no próprio site do Inep. Alguns minutos depois, eles retiraram todas as notas e substituíram por um traço”, afirma. André Felipe de Senna Rossi, também de 17, conseguiu conferir o resultado. “Vi a nota. Depois o valor não estava mais disponível”, diz. 

Em nota, o MEC informou que “durante procedimento técnico de homologação das notas de redação no sistema do Enem na tarde desta quinta-feira, foi dada uma carga no sistema, o que fez com que alguns candidatos – logados com seu próprio CPF e senha – conseguissem visualizar sua própria nota da redação, em um período de meia hora”. Segundo o órgão, não houve vazamento de informação e as notas só serão divulgadas nesta sexta-feira. 

O tempo em que as notas ficaram disponíveis foi suficiente para causar movimentar as redes sociais. O assunto chegou a ser o mais comentado no Twitter. Diversos candidatos lamentaram que não puderam ver o resultado. “Que legal a nota da redação do ENEM vazou e eu não estava aqui”, disse Henrique. “Não consegui ver a nota do #ENEM. Não tive essa sorte. #chatiado”, comentou Luiz Eduardo. “Legal é eu não poder ver minha nota do Enem porque me esqueci da senha. Muito legal!”, lamentou Jefferson Bezerra. “Alguém aí teve a sorte de já ver a nota da redação do enem? parece que ficou disponível por 20 minutos durante teste, cheguei tarde!”, questionou Luiz Felipe Araújo. “Algum estagiário do inep deixo (Sic.) a nota do enem a mostra por alguns minutos”, disse Taynara.

Entenda mais sobre as formas de uso das notas do Enem


- Em 2012, várias universidades públicas passaram a utilizar o Enem em substituição à primeira fase do vestibular, como é o caso da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), outras, utilizam o resultado como complemento da nota. As faculdades particulares também aceitam o resultado do Enem nos seus processos seletivos.

- Os alunos que tiraram nota maior que zero na redação do Enem podem se inscrever para concorrer a uma vaga em cursos de universidades e institutos federais através do Sisu. O prazo de inscrição começa no dia 7 de janeiro e segue até o dia 11 de janeiro de 2013.

- Caso as regras do ProUni continuem as mesmas, os interessados em concorrer à bolsas parciais e integrais de estudos em instituições particulares precisam obter 400 pontos na média das cinco provas do Enem 2012, não ter zerado na redação e atender aos critérios de renda exigidos pelo programa.

- No Fies, todos os participantes do Enem 2012 com renda familiar até 20 salários mínimos podem solicitar o financiamento. Porém, apenas os alunos que possuem renda familiar até 10 salários podem requerer o financiamento total da mensalidade.

- O estudante que optou, no ato da inscrição, em obter o certificado de conclusão terá que conseguir 500 pontos na redação e, no mínimo, 450 em cada uma das provas objetivas. Quem alcançar a pontuação necessária deve procurar a Secretaria de Educação do seu estado ou os institutos federais credenciados para solicitar a emissão do certificado.

Seleção Unificada

O MEC lançou na manhã desta quinta-feira (27) o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que vai oferecer, em 2013, 129.279 vagas no ensino superior em 3.751 cursos de 101 instituições. Por enquanto, o sistema está disponível apenas para consulta. Nele, o candidato podepesquisar as vagas oferecidas pelas instituições. As inscrições terão início no dia 7 de janeiro.

Somente poderá se inscrever no processo seletivo do Sisu referente à primeira edição de 2013 o estudante que tenha participado da edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) referente ao ano de 2012 e que, cumulativamente, tenha obtido nota acima de zero na prova de redação, conforme disposto na Portaria MEC nº 391, de 7 de fevereiro de 2002.
As notas individuais do Enem 2012 estão previstas para serem divulgadas nesta sexta-feira (28).
O estudante poderá se inscrever no processo seletivo do Sisu em até duas opções de vaga. Ao se inscrever no processo seletivo do Sisu, o estudante deverá especificar em ordem de preferência, as suas opções de vaga em instituição, local de oferta, curso, turno.
Lei das cotas
O candidato também deverá especificar a modalidade de concorrência. Ele poderá concorrer às vagas reservadas pela Lei nº 12.711, de 29 de agosto de 2012, a chamada "Lei das cotas". Pela lei, as instituições federais de ensino superior devem reservar pelo menos 12,5% das vagas de cada curso e turno para estudantes que fizeram todo o ensino médio em escolas públicas. Deste percentual, metade das vagas é para estudantes com renda família de até 1,5 salário mínimo. E ainda há um percentual para estudantes autodeclarados pretos, pardos ou indígenas.

É importante observada a regulamentação em vigor; às vagas destinadas às demais políticas de ações afirmativas eventualmente adotadas pela instituição no Termo de Adesão ao Sisu; ou às vagas destinadas à ampla concorrência.

O Sisu disponibilizará a nota de corte para cada instituição, local de oferta, curso, turno e modalidade de concorrência, a qual será atualizada periodicamente conforme o processamento das inscrições efetuadas. Não haverá cobrança de taxa de inscrição às vagas ofertadas pelo Sisu.

O processo seletivo do Sisu referente à primeira edição de 2013 será constituído de duas chamadas sucessivas. A primeira chamada será em 14 de janeiro de 2013, e a segunda, em 28 de janeiro de 2013.
O estudante poderá consultar o resultado das chamadas no site do Sisu na internet e nas instituições para as quais efetuou sua inscrição. No caso de notas idênticas, o desempate entre os estudantes será efetuado em observância à seguinte ordem de critérios: nota obtida na redação; nota obtida na prova de linguagens, códigos e suas tecnologias; nota obtida na prova de matemática e suas tecnologias; nota obtida na prova de ciências da natureza e suas tecnologias; nota obtida na prova de ciências humanas e suas tecnologias.
As matrículas nas instituições participantes do Sisu serão nos dias 18, 21 e 22 de janeiro de 2013 no caso da primeira chamada, e dias 1º, 4 e 5 de fevereiro de 2013 para a segunda chamada.
O lançamento da ocupação das vagas no sisu pelas instituições participantes será de 18 a 25 de janeiro no caso da primeira chamada e de 1º a 8 de fevereiro para a segunda chamada.

Para participar da lista de espera, o estudante deverá manifestar seu interesse por meio do portal do Sisu do dia 28 de janeiro a 8 de fevereiro de 2013. O estudante somente poderá manifestar interesse na lista de espera para o curso correspondente à sua primeira opção.

O Sisu é o sistema do MEC pelo qual estudantes que fizeram o Enem podem concorrer a vagas em dezenas de instituições públicas de ensino superior. De acordo com o MEC, mais de 90% das vagas nas universidades federais para 2013 serão ofertadas por meio dele. Todo o processo, com exceção da matrícula dos candidatos selecionados, é feito exclusivamente pela internet.



As instituições públicas de ensino superior, que participam do Sisu, ofertam vagas em seus cursos duas vezes ao ano, no início de cada semestre letivo, aos candidatos mais bem classificados no Enem.

Mais de 4 milhões de estudantes realizaram as provas do Enem em todo o país.


VOITCH, Guilherme. Falha em site permite a aluno ver nota de redação do Enem. O Globo. Acesso em: 28/12/2012. Disponível em: http://oglobo.globo.com/educacao/falha-em-site-permite-aluno-ver-nota-de-redacao-do-enem-7148913#ixzz2GJQu46R7.  
________________. Brecha temporária permitiu acesso antecipado a notas do Enem 2012. G1. Acesso em 28/12/2012. Disponível em: http://g1.globo.com/educacao/noticia/2012/12/brecha-temporaria-permitiu-acesso-antecipado-notas-do-enem-2012.html.
VALE. João Henrique do. Notas da redação do Enem ficam disponíveis durante teste do MEC. Estado de Minas. Acesso em: 28/12/2012. Disponível em: http://www.em.com.br/app/noticia/especiais/educacao/2012/12/27/internas_educacao,339757/notas-da-redacao-do-enem-ficam-disponiveis-durante-teste-do-mec.shtml. 

0 comentários:

.